AdobeStock_230337669_

DICA DE QUINTA: Sexo anal para iniciantes.

1) A penetração anal deve ser um processo lento e gradual. Paciência é crucial. Cada casal deve criar o seu próprio ritmo para que o sexo anal dê certo. Como esta prática sexual precisa de tempo, não é uma boa opção quando se quer ter um envolvimento erótico rápido ou se estiver em local não adequado. Se estiver ansioso, estressado ou nervoso, por qualquer motivo, esta prática deve ser protelada. Quanto mais tempo tem no início, mais benefício terá no final.

2) Se a mulher tem intestino preso, a penetração vai doer mais, porque já existe uma pressão provocada pelas fezes depositadas no canal do intestino. O mesmo ocorre se ela está muito tensa e não relaxa.

3) É imprescindível estar relaxada porque qualquer possibilidade de penetração anal (com o dedo, objeto ou pênis) gera um espasmo (contração) dos músculos locais como se fosse uma defesa para não haver penetração. A dor acontece quando os parceiros não esperam até que esses músculos relaxem. O relaxamento depende da cumplicidade, confiança e do carinho. Só então deve haver a penetração. Desta forma, haverá ausência de desconforto local, relaxamento maior e regressiva dor muscular, o que facilitará a penetração.

4) O ideal é que quem está sendo penetrado comande os movimentos da penetração, pois, se o músculo anal se contrair, poderá provocar um profundo desconforto; se isso ocorrer, cabe ao parceiro ter a paciência de esperar a região relaxar novamente.

5) Não se deve iniciar o sexo anal com o pênis. O ideal é começar com um dedo, depois introduzir dois dedos e assim por diante para se acostumar.

6) Como o ânus não é lubrificado naturalmente como a vagina, o uso de lubrificantes é indispensável. Deve-se usar produtos à base de água, sem aditivos químicos, para evitar alergias e reações inflamatórias locais.

7) A posição mais indicada para principiantes ou para aqueles que sentem muita dor é lado a lado. A mais perigosa para os iniciantes no sexo anal e que se relacionam com parceiros estranhos, é a posição de quatro, pois nela o homem que penetra tem controle total da situação e pode não estar preocupado com a integridade física do outro.

8) A mulher poderá chegar ao orgasmo, principalmente se houver a manipulação do clitóris durante a penetração. O importante é que a penetração aconteça de forma lenta e cuidadosa. Pode ser que a primeira tentativa não seja tão prazerosa.

9) É importante que os parceiros sexuais troquem o máximo de informações do que desejam: diga qual a velocidade de penetração que acha a mais correta e qual a profundidade. Também é preciso estar preparada para dizer para que o parceiro diminua a velocidade de penetração, mude de posição sexual e até pare totalmente o ato sexual.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *